6 de dez de 2009

NÃO VOS ENGANEIS




Mas receio que, assim como a
serpente enganou a Eva com
a sua astúcia, assim também
seja corrompida a vossa mente
e se aparte da simplicidade e
pureza devidas a Cristo.
I Coríntios 11:3.

A natureza do engano
constitui-se de aparência
de sinceridade, de
pureza e de semelhança.
O Diabo não se apresentou a Eva
abertamente dizendo: “eu sou o diabo,
o inimigo de Deus, e venho para
O caluniar e arruinar-te”. O engano
da serpente veio adornado da proposta:
“como Deus sereis”.
O homem não-regenerado está
na condição de enganado: Pois nós
também, outrora, éramos néscios, desobedientes,
desgarrados, escravos de toda
sorte de paixões e prazeres, vivendo em
malícia e inveja, odiosos e odiando-nos
uns aos outros. Tito 3:3. O religioso
que anda segundo a lei, também está
nesta condição: Ai de vós, escribas e
fariseus, hipócritas, porque sois semelhantes
aos sepulcros caiados, que, por
fora, se mostram belos, mas interiormente
estão cheios de ossos de mortos
e de toda imundícia! Mateus 23:27.

O homem é, antes de tudo, enganado
pelo seu próprio coração: Enganoso é
o coração, mais do que todas as coisas,
e desesperadamente corrupto; quem o
conhecerá? Jeremias 17:9.
O temor de Paulo não era que
os Coríntios rompessem de forma
aberta e completa com Cristo, mas
que se afastassem paulatinamente
da simplicidade e pureza que haviam
aprendido; que fossem seduzidos
por estranhas invenções e doutrinas
de falsos mestres. No engano, as falsas
doutrinas serão pregadas como se
fossem verdades: “parece mais não é”.
Alguém disse: “De todas as artes, a
mais bela é a de saber disfarçar-se”.
Satanás opera sob o disfarce da
luz. Porque os tais são falsos apóstolos,
obreiros fraudulentos, transformando-se
em apóstolos de Cristo. E não é de
admirar, porque o próprio Satanás se
transforma em anjo de luz. Não é muito,
pois, que os seus próprios ministros se
transformem em ministros de justiça; e
o fi m deles será conforme as suas obras.
II Coríntios 11:13-15. A máscara que
os falsos pregadores usam, a sutiliza
que exibem em seus discursos parecem
ardilosamente ajustados à nossa
propensão natural para a mentira
(me engana que eu gosto) bem como,
aos desejos dos portadores de “coceira
nos ouvidos”. Tudo isso tem contribuído
para que muitos se afastem da
simplicidade do evangelho. Porém,
quando somos enganados?
Quando nos dizem que não temos
pecado: Se dissermos que não temos
pecado nenhum, a nós mesmos nos enganamos,
e a verdade não está em nós.
I João 1:8. A Palavra de Deus afi rma:
Pois todos pecaram e carecem da glória
de Deus. Romanos 3:23;
Quando pensamos que somos
alguma coisa não sendo nada: Porque,
se alguém julga ser alguma coisa,
não sendo nada, a si mesmo se engana
Gálatas 6:3;
Quando pensamos que somos sábios:
Ninguém se engane a si mesmo:
se alguém dentre vós se tem por sábio
neste século, faça-se estulto para se tornar
sábio. I Coríntios 3:18;
Quando achamos que os injustos
herdarão o reino de Deus: Ou não
sabeis que os injustos não herdarão o
reino de Deus? Não vos enganeis: nem
impuros, nem idólatras, nem adúlteros,
nem efeminados, nem sodomitas, nem
ladrões, nem avarentos, nem bêbados,
nem maldizentes, nem roubadores
herdarão o reino de Deus. I Coríntios
6:9;
Quando fomentamos especulações
irreverentes: Não vos enganeis:
as más conversações corrompem os
bons costumes. I Coríntios 15:33;
Quando usamos nosso próprio
raciocínio para compreendermos a
palavra de Deus, e uma linguagem
sofi sticada para explicarmos a sim-
plicidade do evangelho - morte e ressureição
de Cristo. Assim digo para
que ninguém vos engane com raciocínios
falazes. Colossenses 2:4;
Quando cremos que é por meio
de obras que obtemos a salvação,
sendo que, na verdade, a nossa incapacidade
é a matéria-prima da graça.
Dirigiram-se, pois, a ele, perguntando:
Que faremos para realizar as obras de
Deus? Respondeu-lhes Jesus: A obra
de Deus é esta: que creiais naquele que
por ele foi enviado. João 6:28-29;
Quando confi amos no pregador,
nas estruturas criadas por mãos humanas,
nas realizações pessoais, nas
maravilhas e até mesmo na própria
“experiência espiritual”. Muitos, naquele
dia, hão de dizer-me: Senhor,
Senhor! Porventura, não temos nós
profetizado em teu nome, e em teu
nome não expelimos demônios, e em
teu nome não fi zemos muitos milagres?
Mateus 7: 22.
A insensatez de todos aqueles que
não possuem mais do que a aparência,
será manifestada. Então, lhes direi
explicitamente: nunca vos conheci.
Apartai-vos de mim, os que praticais
a iniqüidade. Mateus 7:23. O falso
se assemelha tanto ao verdadeiro,
que o Senhor Jesus nos adverte do
perigo: Porque surgirão falsos cristos e
falsos profetas operando grandes sinais
e prodígios para enganar, se possível, os
próprios eleitos. Mateus 24:24.
Tudo aquilo que está fora de Cristo
é falso. Não existe, rigorosamente
falando, nenhum outro lugar seguro
fora da Pessoa do Senhor Jesus Cristo.
Ele é o único fundamento no qual
o homem pode descansar. Deus entregou
tudo ao Seu fi lho. O Pai ama
ao Filho, e todas as coisas tem confi ado
às suas mãos. João 3:35.
Deus confi ou ao Seu fi lho, e não
a nós, a realização de todas as coisas.
A nós cabe um simples olhar para
a Pessoa do Senhor Jesus Cristo:
Olhando fi rmemente para o Autor e
Consumador da fé, Jesus, o qual, em
troca da alegria que lhe estava proposta,
suportou a cruz, não fazendo caso
da ignomínia, e está assentado à destra
do trono de Deus. Hebreus 12:2.
O fundamento da salvação é o
Cristo morto e ressuscitado. Ver Jesus,
com os olhos da fé, pregado na
cruz e assentado no trono, é uma visão
que deve dar paz sólida à consciência
e perfeita liberdade ao coração.
O Senhor Jesus liquidou todas as
coisas na cruz a favor do Seu povo.
O Cristo ressuscitado é a prova eterna
de uma redenção efetuada, e Nele
temos a garantia de uma verdadeira
experiência.

Humberto Xavier Rodrigues

Revista Betel ESTUDO BÍBLICO

Um comentário:

Debora disse...

A Biblia Sagrada é o nosso manual de vida, nela está contido todas as respostas para os nossos anseios.
Pensando na Importância da leitura diária da Palavra de Deus estou lançando esta campanha no blog http://versiculos-biblicos.blogspot.com/.
Participe e divulgue está idéia!