21 de jul de 2011

COMO ENTENDER O TEMPO DE DEUS


Vemos em Atos 1:1 a 11 uma preocupação de Lucas para informar a verdade a um certo Teófilo sobre Jesus. Na verdade, este texto tem uma ligação muito grande com o início do ministério de Jesus, pois irá falar a respeito do início do ministério da Igreja.

No início de seu ministério Jesus foi para o deserto e ali esteve sozinho por 40 dias (Mt.4.1-2), e depois da ressurreição Jesus ficou 40 dias ensinando sobre o reino de Deus (v.4). O Pentecostes acontece 50 dias depois da Páscoa, sendo assim, os discípulos ficam 10 dias em uma inquietação a respeito das coisas que iriam acontecer.

A pergunta é: o que fazer? ir à frente de Deus? ou esperar e confiar na palavra de Jesus o qual disse: “E comendo com eles, determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai...? (v.4). Assim como foi difícil para os discípulos esperarem por uma promessa feita pelo próprio Jesus, é difícil também para nós, hoje, esperar quando estamos passando por dificuldades e queremos o mais rápido possível uma ação de Deus. Muitos não sabendo esperar passam à frente de Deus e acabam sofrendo grandes conseqüências. Por que é tão difícil esperar?

a) Porque muitas vezes não entendemos a ação de Deus na espera: É no momento de espera que Deus realmente quer nos conhecer, pois a Bíblia está cheia de exemplos de pessoas que não souberam esperar. Um deles foi Saul, que não soube esperar e acabou perdendo o reino (I Sm 13.8-14). Pessoas assim como Saul que não souberam esperar pela ação de Deus perderam seus cônjuges, sua família, seus amigos, empregos, etc. É no momento de espera que Deus quer ver de nós: a nossa obediência: “determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém” (v.4); 2); a nossa paciência: “...mas que esperassem...”; a nossa confiança, estritamente nele: “...esperassem a promessa do Pai...”; 3) relembrar de tudo o que Deus já fez por nós: “a qual, disse Ele, de mim ouvistes”.

b) Porque queremos que as coisas aconteçam sempre no nosso tempo e da nossa maneira: Hoje em dia as pessoas estão em busca daquilo que é rápido e passageiro. Toda a tecnologia quer levar a humanidade para a “rapidez e facilidade”. Quando os discípulos perguntaram a respeito do “tempo” a Jesus no verso 7, usaram a palavra Khrónos, que no grego significa: tempo longo ou breve, breve tempo, um certo tempo, o nosso tempo, tempo humano. Perguntaram porque queriam que as coisas acontecessem com uma certa urgência e rapidez. A resposta de Jesus sobre o tempo foi a palavra kairós, que no grego passa a idéia de:

1) União e harmonia, como se fosse uma justa medida, lugar, ponto justo: pensando em harmonia, temos que ter a certeza que toda decisão fora do tempo de Deus deixa dúvidas, embaraço, questionamentos. As coisas parecem que não se encaixam, parece que só vão se tornar realidade “forçando a barra”. É preciso saber que quando for o tempo de Deus as decisões terão uma harmonia e tudo se unirá.

2) Tempo de oportunidade, momento propício: muitas vezes quando queremos algo, pedimos, imploramos. Mas Deus pela sua onisciência e onipresença sabe que aquilo que queremos poderá até nos tirar da presença do Senhor. No tempo de Deus, pelos acontecimentos, logo você saberá que é um tempo de oportunidade, tudo será realmente favorável na sua decisão, pois será Deus que estará na frente. Por isto vale a pena esperar o tempo propício de Deus.

3) Tempo fixado, tempo estabelecido e apto: quando você vai para o ponto de ônibus num determinado horário é porque está confiando que naquele horário o ônibus vai passar, ou para um banco às 10h é porque tem confiança de que naquele horário o banco estará aberto. Isto tudo nos mostra que confiamos no homem (Jr 17.5). Da mesma forma temos que confiar em Deus (Sl.40), pois tudo está determinado por Ele. O tempo está fixado e estabelecido por Deus e na hora certa as promessas de Deus irão se cumprir na nossa vida.

c) A espera sempre se reflete em silêncio, e o silêncio de Deus sempre antecede uma ação peculiar de Deus para mudar nossas vidas: Quando Jesus subiu ao céu, foi uma cena contemplativa: “ E estando eles com os olhos fitos no céu...” (v.10). Não podemos também confundir espera com uma vida contemplativa, pois os discípulos saíram dali com a promessa de Deus para as suas vidas, para a vida da Igreja, e eles foram fazer o que estava no alcance deles: saíram do monte Olival e foram para Jerusalém (v.12), começaram a se reunir no cenáculo (v.13), perseveravam unânimes em oração (14), escolheram o substituto de Judas Iscariotes (23). Depois desse processo de espera e de silêncio por parte de Deus, Deus agiu: derramou o Espírito Santo que foi prometido mais ou menos 600 anos antes! Deus foi fiel e Deus cumpriu a sua promessa. Quando os discípulos fitaram os olhos para os céus, aquela cena parecia um processo de que tudo estava se acabando. Sim! No tempo do homem parecia que tudo estava se acabando, mas no tempo de Deus, no Kaíros de Deus estava apenas começando.

Pergunto: Qual a postura do crente diante de uma situação de espera? No seu entendimento através deste artigo, como você identifica que a decisão que vai tomar está dentro da vontade de Deus? Reflita.


(Procuro o autor)

19 de jun de 2011

DEPRESSÃO


ENCORAJADOS A ENCORAJAR

Anime-se com as maravilhosas promessas que há na Palavra do Senhor, certo de que Ele é fiel e poderoso para cumpri-las em sua vida. Peça graça para prosseguir para o que Deus tem para você!
Lute um pouco mais! Anime-se no Senhor!
Você acha que é difícil só para você? Não!
Atente para a história de vários homens e mulheres na Bíblia e para a de seus irmãos em Cristo! Então, perceberá que Deus nos concede muitas vitórias não livrando-nos dos problemas, mas fazendo-nos passar por eles, para conhecermos o poder e o caráter daquele que nos amou e prometeu fazer de nós testemunhas dele e da Sua gloriosa salvação!
O Senhor muitas vezes nos leva para o deserto, a fim de conhecermos de que somos feitos, quais são as nossas limitações e as nossas reais motivações; para tratar-nos, curar nossas mazelas espirituais e emocionais, e levar-nos para Canaã, um patamar de vida melhor (ver Deuteronômio 8.2). Foi para isso que cristo se manifestou! o Senhor deseja não apenas nos abençoar. Ele quer que sejamos uma benção. Que ensinemos a paz, o amor, a verdade às pessoas, para que o Seu Reino seja estabelecido entre nós, e tenhamos uma vida abundante e plena.
Quem sabe a superação dessa enfermidade ou dor na alma com a qual você tem sido afligido não será para você servir de agente de cura para muitos pela sua experiência com Deus? Foi assim que o Senhor consolou Paulo: enviando Tito para contar ao apóstolo o quanto os irmãos o amavam e o defendiam ante caluniadores. Isso animou o coração de Paulo, porque ele constatou que o Senhor convertera aqueles corações, que todo seu esforço pra pregar e viver o evangelho estava sendo usado por Deus para salvar e consolidar a fé de muitos ( veja 2 Coríntios 7. 4-7).
Confie em Deus! Faça como Davi, anime-se no Senhor! Ore, fale com Ele, e ouça sua vos encorajando você:

Assim diz o Senhor:" Seu ferimento é grave;sua ferida incurável. Não há quem defenda sua causa; não há remédio para sua ferida, que não cicatriza [...] Farei cicatrizar seu ferimento e curarei as duas feridas [...] Mudarei a sorte das tendas de Jacó e terei compaixão das suas moradas [...] vocês serão o meu povo, e eu serei o seu Deus".
Jeremias 30. 12,13,17,18,22 NVI


Extraído do livro de Silas Malafaia " VENCENDO A DEPRESSÃO"

5 de mai de 2011

DEUS É FIEL


"Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei." Salmos 91:15

Quando tudo não der mais certo
e você já tentou todas as alternativas,
não te desespere.
Deus proverá uma solução.
ELE É UM DEUS FIEL E TE GUARDARÁ DE TODO MAL.

Momentos ruins não são eternos!
São como tempestades, só duram por algum momento!
Olhe para trás e veja quantas coisas piores você já passou e superou!
Algumas vezes as tribulações acontecem em nossa vida para nos amadurecer.
PORTANTO, ANIME-SE.

Quando estiveres tristes,
olhe para o céu e vede quão grande o é!
Se Deus foi capaz de criar o céu,
imagine resolver os seus problemas...
que são tão pequenos perto de tão grandiosa obra que é o céu...
SEUS PROBLEMAS NÃO SÃO MAIORES DO QUE DEUS.

Faça como os triatletas das Olimpíadas,
mesmo não conseguindo chegar em primeiro,
lutam para chegar até o fim!
Portanto não desista dos seus ideais.
LUTE ATÉ O FIM, NÃO DESISTA, NO MEIO DO CAMINHO,
DIGA: EU VOU VENCER!


Se estiveres tristes, chore! Alivia a alma!
Jamais deixe que a tristeza tome conta de você!
Jesus fala:
“ALEGRA-TE!
TEM BOM ÂNIMO QUE EU SOU CONTIGO!”


Busque à Deus de todo o seu coração!
Lembre-se que buscar à Deus tem que ser uma busca constante, diária.
Deus tem a solução para todos os seus problemas.
Para Deus nada é impossível !
TENHA UMA VIDA DE COMUNHÃO COM DEUS!

Tenha amigos, nunca em quantidade, mas em qualidade!
Busque amigos que te acrescente pessoal e espiritualmente!
Se eles nada te acrescentarem...
AFASTE-SE!
AS MÁS COMPANHIAS CORROMPEM OS BONS COSTUMES!


Tenha sonhos!
É nos sonhos que Deus age e revela o seu infinito poder.
NUNCA DEIXE DE SONHAR!
TENHA OBJETIVOS!


Reme contra a maré!
No decorrer da sua vida, você encontrará pessoas que irão te jogar “água fria”! Irão falar que você é incapaz... que é impossível!
Dirão que aquilo que você tanto almeja não é para você.
NÃO DESISTA!
O DEUS QUE SERVIMOS,
É O SENHOR DO UNIVERSO.


Tenha a certeza que dias melhores virão
e tudo tem um propósito na nossa vida!
Nada é por acaso.
ENTREGA O TEU CAMINHO AO SENHOR, CONFIA NELE E O MAIS ELE FARÁ.

"E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo; e ela dirá: O SENHOR é o meu Deus."(Zacarias 13:)

Desconheço o Autor

16 de mar de 2011

DEUS NUNCA ABANDONA


Salmo 38. 21,22

Deus nunca a abandona, nem quando você se sente como se Ele a tivesse abandonado.

Você se sente só, como se ninguém a amasse ou se importasse com você? Como se sua vida fosse tão confusa, que ninguém nem se atreveria a entrar nela para ajudá-la? Está mesmo convencida de que se você "desaparecesse" da face da Terra, ninguém iria notar - ou se importar. Afinal a maioria dos seus amigos está tão frustrada com seu mal humor que desistiu de vê-la.
Mas o antigo ditado é verdadeiro: "Se um amigo o abandona quando você está passando por momentos difíceis, ele nunca foi seu amigo de verdade". Então, se seus amigos não entendem o que você está passando, ou lhe dizem para "sair dessa", não são amigos de verdade.
Um bom amigo nunca irá abandoná-la. Ele vai rir e chorar com você, sentar-se perto em silêncio, quando você só precisa de alguém do seu lado. E só há um amigo que nunca vai abandoná-la: Deus; mesmo nas horas em que você pensa que Ele não está lá, que não se importa. O Senhor está andando com você, ajudando-a quando tropeça nas situações difíceis. Ele nunca vai abandoná-la - não importa o que diga, faça ou como se sinta, Ele a ama de forma incondicional.

( Veja também Eclesiastes 3.1,2,11; Romanos 8. 31-39; 2 Coríntios 4. 17,18)

Vale a pena lembrar:

"Não me desampare, Senhor, Meu Deus, não te alongues de mim. Apressa-te em meu auxílio, Senhor, minha salvação". Sl 38.21,22

Extraído da " Bíblia de Estudos da Mulher" Editora Atos


Este texto me foi de extrema ajuda em um momento muito difícil. Espero que possa ajudá-la (o) também.

5 de jan de 2011

POR QUE É IMPORTANTE QUE EU FREQUENTE UMA IGREJA?


A IGREJA DE DEUS É COMPOSTA DE PESSOAS (I Co 3. 10-17)

As pessoas usam várias "desculpas" para não ir à igreja, entre elas as seguintes:

"Eu não gosto de bancos duros";
"Eu não gosto daquele tipo de música";
"Eu não...";
"As pessoas daquela igreja são hipócritas".

Mas nessa passagem, Paulo nos dá a melhor de todas as razões para comparecer à igreja: "Porque o templo de Deus, que sois vós é santo". (3.17)
O que ele quis dizer com isso? No Antigo Testamento, o templo era a construção mais importante da nação. Ele era santo porque o povo de Deus o havia construído para Ele, e iam adorá-lo lá.
No Novo Testamento, o templo de Deus é algo completamente diferente. Não é uma construção material. O templo de Deus é o povo que lhe pertence. Assim quando você se reúne com cristãos, como uma igreja, Deus está presente - da mesma forma especial como Ele habitava no templo sagrado do Antigo Testamento.
Além disso, você precisa de outras pessoas para encorajá-la e desafiá-la. Como Paulo disse: "Pus eu como sábio arquiteto, o fundamento e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele. Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo". (3.10,11)
Se você está passando por um período "turbulento" em casa, isso a ajudará a ser capaz de falar e orar com um companheiro crente. Se uma amiga na igreja está com dúvida sobre a fé, ela precisa de sua sabedoria para ajudá-la.
Juntos, como templo de Deus, nós somos salvos. Deus promete que, "se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá" (3.17). Essa é uma confortadora certeza nesse mundo de "pernas pro ar"! ( Veja também Ez 43.1-5; At 2.1-13; Rm 12.3-8; Ef 2.11-22)

VALE A PENA LEMBRAR

"Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?(...)porque o templo de Deus, que sois vós é santo" (3.16,17).


Extraído da "Bíblia de Estudo da Mulher" - Editora Atos