10 de out de 2009

A PAZ



Jo 14.27; 16.33; Sl 34.14; Is 6.3; 26.3; Rm 8.6.,

INTRODUÇÃO: Em nossa época, cheia de inquietações, todo mundo anseia por PAZ. Pessoas, amigos, famílias, grupos, cidades, nações e o mundo buscam ardentemente a PAZ.
Vendem-se milhões de exemplares do livro PAZ COM DEUS, de Billy Graham, em muitos idiomas, bem como muitos outros livros sobre o assunto, como indicação desta ansiedade, o desejo de PAZ. Em algumas línguas, tais como o Árabe e o Hebraico, bem como a saudação cristã e da maioria das igrejas é “PAZ”, com algum complemento. Sem dúvida, somente quando Jesus Cristo possui nossos corações, podemos ter verdadeira paz. Nesta mensagem ocupamo-nos somente de aspectos deste tema.

I. DEFINIÇÕES COMUNS DE PAZ – Dicionários Seculares.

1. PAZ – Tranqüilidade pública; concórdia; sossego; cessação de hostilidades; silêncio; descanso; - de alma: pessoa tranqüila, inofensiva e indolente.
2. PACIENCIOSO – Cheio de paciência, calmo, tranqüilo.
3. PACIENTAR – Ter paciência, ser calmo, tranqüilo, mostrar-se paciente, ser paciente.
4. PACIENTE – Resignado; sofredor; manso; pessoa que padece ou vai padecer; aquele que recebe uma ação de um agente.
5. PACIFICAÇÃO – Ato ou efeito de pacificar.
6. PACIFICADOR – Aquele que pacifica.
7. PACIFICAR – Restituir a paz a; apaziguar; serenar; tranqüilizar; voltar a paz; tranqüilizar-se.
8. PACIFICATIVO – É a pessoa pacificadora.
9. PACIFICIDADE – Qualidade de pacífico.
10. PACÍFICO – Amigo da paz; Sossegado; Manso; Tranqüilo; indivíduo pacífico.
11. PACIFICISMO – Sistema dos que pugnam pela paz universal e pelo desarmamento das nações.
12. PACIFISTA – Partidário do pacifismo.

II.ETAPAS PARA OBTER A PAZ COM DEUS
1. O PLANO DE DEUS – PAZ E VIDA.
Deus nos ama e quer que experimentemos Sua Paz e Sua Vida. A Bíblia diz: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que n'Ele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (Jo 3.16).

2. O PROBLEMA DO HOMEM – É A SEPARAÇÃO.
O Estar em paz com Deus não é algo automático, visto que, por ‘ natureza, o homem está separado de Deus.
A Bíblia diz: “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus” (Rm 3.23).

3. O REMÉDIO DE DEUS – A CRUZ.
O amor de Deus serve como ponte sobre o abismo que separa o homem de Deus. Quando Jesus Cristo morreu na Cruz e ressuscitou dentre os mortos, pagou a pena pelos nossos pecados.
A Bíblia diz: “Quem levou ele mesmo nossos pecados sobre o madeiro...” (I Pe 2.24).

4. A RESPOSTA DO HOMEM – ACEITAÇÃO DE CRISTO.
Assim cruza a ponte que lhe faz ingressar à família de Deus, quando aceita a Jesus Cristo, por convicção pessoal.
A Bíblia diz: “Mas a todos quantos o receberam, aos que crêem em seu nome, lhes deu o poder de serem feitos filhos de Deus” (Jo 1.12).

5. PARA RECEBER A CRISTO O HOMEM TEM QUE FAZER QUATRO COISAS:
1. ADMITIR sua necessidade espiritual – “SOU PEGADOR”.
2. ARREPENDER-SE e ter o propósito de abandonar o pecado.
3. CRER que Jesus Cristo morreu na cruz por você (pessoal).
4. RECEBER a Jesus Cristo em seu coração e sua vida, por meio da confissão, oração e discipulado.

A Bíblia diz (falando Jesus mesmo): “Eis que Eu estou a porta e bato (chamo); se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta entrarei em sua casa, cearei com ele, e ele comigo” (Ap 3.20).
“Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor, será salvo” (Rm 10.13).


III. A PAZ COM DEUS.

1. A Paz com Deus chega a te nós mediante o perdão dos pecados, pelos méritos e o sacrifício de nosso Salvador, Jesus Cristo.
2. A paz com Deus implica em um cessar das hostilidades, maldades e pecados. Quando uma pessoa confessa sua soberba pecaminosa, aceita sua derrota e se submete a Deus, sua guerra contra o Senhor acaba. “JUSTIFICADOS, POIS, PELA FÉ, TEMOS PAZ COM DEUS, POR MEIO DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO” (Rm 5.1). “E, por meio dEle reconciliou consigo mesmo todas as coisas, assim as que estão na terra como as que estão nos céus, fazendo a PAZ mediante o sangue da sua Cruz” (Cl 1.20). “Deus estava em Cristo, reconciliando consigo o mundo, não tomando em conta aos homens seus pecados” (II Co 5.19).
3. A Paz com Deus produz uma sensação de Bem estar e confiança. “E Ele Deus de esperança os encha de todo gozo e PAZ em vosso crer, para que abundeis em esperança pelo poder do Espírito Santo” (Rm 15.13).

IV. A PAZ DE DEUS.

1. A Paz de Deus é o legado aos crentes, cristãos e discípulos, apresentando-se quando caminhamos em obediência à sua vontade para nossas vidas.
2. Muitos cristãos têm paz com Deus, porém não têm experimentado a Paz de Deus em suas vidas. Estão desgarrados e sobrecarregados pelas ansiedades e os temores que destroem a estabilidade espiritual e o gozo do Senhor. A Paz é um dom de Deus, e legado a todos os cristãos; porém, há muitos que não a gozam.
3. A Paz de Deus se deriva de um companheirismo pleno e sincero com Ele, que é a nossa Paz.

V. EIS UMA FÓRMULA SIMPLES DA PALAVRA DE DEUS PARA GOZARMOS A PAZ DO SENHOR. Salmo 37.1-5 c/c. Fp 4.6,7.

1. No Salmo 37. 1-5.
1. Não nos angustieis não estejais ansiosos, (v. 1);
2. Confiai no Senhor, (v. 3);
3. Deleitai-vos no Senhor, (v. 4)
4. Descansar no Senhor, (v. 7).


2. Em Filipenses 4.6,7:

1. Não estejais ansiosos por nada, (v. 6);
2. Levai tudo em oração, (v. 6);
3. Estai agradecidos por tudo, (v. 6).
“E a Paz de Deus, que sobre passa todo entendimento, guardará vossos corações e vossos pensamentos em Cristo Jesus”.


VI. ESTRATÉGIAS DE ORIENTAÇÃO PARA OBTER E MANTER A PAZ.
1. Para uma pessoa não cristã:

1. Explicar as etapas para se obter a paz com Deus, Item II.
2. Aconselhar que adote uma postura firme por Cristo.
3. Que leia e estude a Palavra de Deus todos os dias, descobrindo o como viver com Cristo-Discipulado.
4. Assistir a uma igreja séria que ensine a Palavra de Deus, para obter companheirismo e aprender a orar, aprender e viver as escrituras sagradas e adorar.
5. Orar com essa pessoa, para que possa experimentar abundantemente em sua vida a Paz com Deus e a Paz de Deus.

2. Para o Cristão:

1. Confessar todos os pecados, os erros, a irritação, a ira, a amargura que podem estar impedindo sua vida de Paz com Deus;
2. Lembrar que alguns pensamentos sobre a Paz de Deus que aconteceram com antepassados;
3. Animar-se a desenvolver uma vida devocional diária, como meio para deleitar-se no Senhor, e experimentar a sua paz, devemos:
a) Ler e estudar a Palavra de Deus todos os dias, aprendendo como ter um viver diário com Cristo;
b) Orar por todas as coisas e confiar que Deus atuará como escrito em Romanos 8.28;
c) Entregar todos os dias sua vida a Deus no espírito do que diz em Provérbios 3.5,6.
4. Freqüentar com mais assiduidade a Igreja e a Célula, onde há ensino da Bíblia, terá companheirismo, adoração, estudo bíblico e serviço;
5. Oração com o discípulo, para que Deus lhe dê a Paz, vitória e gozo;


CONCLUSÃO – Devemos buscar, incessantemente, uma vida de maior comunhão e intimidade com Deus, para que a Sua Paz esteja constantemente em nós e conosco. Assim seremos pacificadores e seremos chamados Filhos de Deus, conforme está em Mt 5.1-5.

Manaus/Am, 26 de fevereiro de 2005.
Prs. Jonatas e Ana Lúcia Câmara e Família

Nenhum comentário: